Lésbica namoro ajuda

Como Conseguir uma Namorada Lésbica. Encontrar potenciais parceiros pode ser uma tarefa desafiadora, especialmente para pessoas mais tímidas e ansiosas. As coisas são ainda mais complicadas para as mulheres lésbicas, devido à incerteza... O diálogo ajuda a entender os medos e dores de cada uma, ajuda a identificar o que está certo ou errado. 2 Encarem tudo de frente, agora! Não tenham medo, uma relação lésbica pode sim ter o preconceito de muitos, mas isso está mudando. eu preciso falar com uma lésbica totalmente Ativa, preciso de ajuda teka_. 2 anos 9 Respostas. CherryBomb. 2 anos ... digamos que talvez eu ainda não saiba, eu já namorei homem e agora namoro uma mulher, já namorei uma antes mas eu era bem novinha, agora tenho 18 anos, o meu problema é eu quero de vdd conseguir me envolver sexualmente com ... Como Ter um Relacionamento Gay ou Lésbico. Iniciar um relacionamento gay é praticamente a mesma coisa que iniciar qualquer relacionamento. Duas pessoas se encontram e passam a se conhecer melhor. Algumas coisas nunca mudam, mesmo se os... Para mulheres que se relacionam com mulheres, sejam lésbicas, bi ou pansexuais, se ver representada em filmes é muito difícil — principalmente quando são românticos. A maioria dos casais… João Pessoa LGBT – guia para gays, lésbicas, bissexuais e trans. Se você, como nós, faz parte da comunidade LGBT e está de passagem por João Pessoa, na Paraíba, com certeza se pergunta quais são os rolês gays da cidade. É perigoso andar de mãos dadas na rua?Tem boate? Te contamos tudo isso e mais um pouco nesse guia de João Pessoa LGBT.. A Paraíba foi o quinto estado brasileiro ... Namoro lésbica Pequeno livro gay - matchmaker lésbica dr. frankie bashan ajuda mulheres da carreira a sair de suas conchas e conhecer alguém especial A versão curta: escolhe lésbicas, por vezes, têm dificuldade em encontrar um outro em namoro cena em ritmo acelerado de hoje.... A última versão do Vídeo chat lésbica e namorar é 106.67.5. Foi lançado em 2019-09-04. Você pode baixar Vídeo chat lésbica e namorar 106.67.5 diretamente em Baixarparapc.com. Sobre 9.066 usuários avaliaram uma média 4,1 de 5 sobre Vídeo chat lésbica e namorar. A última versão do FEM - Lésbica Namoro. Bate-papo & Conheça Mulheres é 5.7.1. Foi lançado em 2019-09-04. Você pode baixar FEM - Lésbica Namoro. Bate-papo & Conheça Mulheres 5.7.1 diretamente em Baixarparapc.com. Sobre 17.863 usuários avaliaram uma média 4,0 de 5 sobre FEM - Lésbica Namoro. Bate-papo & Conheça Mulheres. O Her se define como uma “rede social lésbica e bissexual” e começou com o nome Dattch em 2013. O objetivo do app é ser mais social que os outros, dando um foco maior à conversa. A usuária pode compartilhar fotos, vídeos e frases, tendo a possibilidade de se conectar com o Facebook ou Instagram.

O motivo de ter desistido de relacionamentos

2020.07.27 06:05 b_bast4rz O motivo de ter desistido de relacionamentos

Olá Lubisco, editores, gatas, finados papelões,possível convidado e turma que está a ver.
Espero que estejam todos bem ^^
Bom, eu tinha um pouco de receio de contar essa história com medo de dar algum B.O, mas acredito que se não citar nomes não vai ter problema, plus não tenho nada a perder explanando isso pq a pessoa em questão não acompanha o canal(inclusive falava mal do Luba chamando ele de "chaveirinho de hétero")
A história é beeeeeeeem longa então me desculpem :/
Essa é a história do meu último relacionamento
Antes de conhecer a dita cuja eu namorei outra menina por 4 anos, e foi um relacionamento bem tóxico e abusivo, minha auto estima foi destruída aos poucos ao longo dos anos mas mesmo assim eu continuei com ela pelo medo de abandono, pq se eu era a merda que ela falava que eu era mas ainda tava comigo, sem ela eu não teria mais ninguém. Até que chegou num ponto que terminamos de vez e eu decidi ficar longe de qualquer pessoa, mas a carência falou mais alto e fui me aventurar no Tinder pra conseguir algum rolo. Consegui alguns e tals, até que conheci a Jenny(nome fictício). Ela era linda e tinha muito em comum comigo, tínhamos a mesma idade, nascemos no mesmo mês e os gostos eram idênticos, e curiosamente ela também tinha saído de um relacionamento abusivo(que eu descobri que era mentira, mas conto sobre isso depois) ficamos por alguns meses e eu decidi pedir ela em namoro, e foi aí que minha vida mudou. Todo aquele terror do meu último namoro sumiu e foi só felicidade, era um namoro perfeito, tínhamos planos pro futuro, sonhos e tals e eu achei que daria tudo certo, até que chegamos em 2019. No início do ano ela tinha pedido pra terminar comigo, porque estava duvidando da sua sexualidade(ela era bi, mas tava pensando que era na verdade lésbica) eu entendi a situação e mesmo ficando triste aceitei o término e disse que se fosse pra gente ficar junto a gente ficava. Foram 4 dias separados até que ela voltou atrás e pediu pra voltar, aceitei e as coisas ficaram como eram antes, pelo menos por uns 2 meses. Ela morava numa república com amigos, todos homens, eu conhecia todos e também considerava eles meus amigos, e sabia que eles respeitavam nossa relação, porém um deles, que até então não representava uma ameaça começou a ficar bem próximo dela, achei um pouco estranho no começo,mas confiava nos dois. Mas as coisas começaram a tomar um rumo beeeeem mais estranho, ela chamava ele pra sair pra bares mas não me chamava(não era muito meu tipo de rolê na época, então eu acabava evitando, um erro bem idiota meu), Overwatch que era um jogo que eu comprei pra jogar com ela, ela jogava 2 ou 3 partidas comigo mas ficava horas a fio com ele e pra fechar, filmes que a gente tinha marcado de ver junto ela via com ele. Isso começou a me incomodar muito e eu cheguei q conversar com ela diversas vezes, mas ela sempre vinha com a desculpa de que não tinha nada e que ela via ele como um irmão.
Acreditei, mas ainda sim fiquei receoso por um tempo. Eis que chegou Junho, ela tinha uma apresentação na faculdade e eu estava a caminho pra poder assistir(tinha trocado de curso pro curso dela, não me arrependo mas evitar ela nos corredores foi foda) no caminho ela me disse que depois da apresentação ela ia pra uma boate comemorar e disse que como sabia que eu não queria/não poderia ia ela tava me avisando pra eu não me sentir excluído, então eu decidi ir com ela, pq queria fazer parte de alguns dos hobbys dela e me acostumar com a vida de balada e barzinho, chegando na casa dela antes de sair pra faculdade ela me trancou no quarto dando várias desculpas pra eu não ir pra balada com ela até que eu perguntei se ela queria terminar comigo de novo e ela disse que sim. Perguntei se era pelo mesmo motivo de antes e ela confirmou, mas dessa vez era diferente pq ela tinha perdido a atração fisica em mim. Novamente tentei levar na boa falando que se era isso mesmo era pra ela sair e ver o que ela queria, que se fosse pra gente ficar junto a gente ficaria, mas perguntei se ela tava sentindo atração pelo amigo, e mais uma vez ela veio com a mesma desculpa. Saí do apartamento dela e fui pra minha antiga faculdade acudir uma amiga que tava com alguns problemas, acabou sendo uma ajuda mútua :v
Passou uns dias e eu descobri que na mesma noite que ela me largou ela ficou com o cara. Eu não posso apontar o dedo pra dizer que ela me traiu, pq não tenho como provar, mas algumas situações indicam que sim ela me traiu, mas não vou entrar e detalhes quanto a isso agora.
No dia seguinte do término eu ainda não sabia que ela tinha ficado com o cara, mas tava sofrendo demais, na época eu usava o Twitter e fui la afogar as mágoas de noite enquanto fumava, bebia e ouvia músicas. A Jenny acordou depois da noite de bebedeira e foi ver meu Twitter, onde ela printou um tweet e me mandou, tivemos uma discussão pelo Whatsapp que eu vou postar os prints depois.
Os dias se passaram e eu segui triste e remoendo as coisas, cheguei a perguntar amigos dela se ela tinha comentado alguma coisa sobre terminar antes mas nenhum disse nada, até cheguei a perguntar um dos meninos que dividia o apartamento com ela, que ate então era o melhor amigo dela se ele sabia, mas como ele ainda tava do lado dela na época ele não disse nada. Então tomei coragem e fui atrás da fonte do meu ciúme e perguntei se eles tinham ficado, quando ele confirmou eu desabei no chuveiro chorando, pra piorar ele foi falar com ela, que acabou mandando um áudio admitindo que tinha ficado com ele na noite do término, mas estava extremamente puta comigo pq eu tava me intrometendo na vida dela, sei que depois do término ambas as partes não são obrigadas a dar satisfação, mas como tinha sido um término muito estranho eu queria ir a fundo. Depois de chorar horrores eu tentei me acalmar e falei que tinha ficado bem chateado com os dois, porque eu me senti traído. Foi eu falar isso que ela riu da minha cara e me bloqueou de tudo, e vamos de choro de novo, dessa vez ligando desesperadamente pra ela pra me desculpar, quando ela atendeu eu disse que tava de cabeça quente e não pensava direito, na verdade eu só queria manter ela por perto pq eu ainda a amava e queria tentar voltar, até desconsiderei ela ter ficado com o cara na noite do término pq ela disse que tava bêbada e foi coisa de momento, o que hoje em dia eu obviamente não acredito. Tentei manter isso por algumas semanas, mandei algumas mensagens e numa delas ela disse fez alguns testes psicológicos e descobriu que ela era insatisfeita com tudo, inclusive nosso relacionamento e disse que precisava colocar a cabeça no lugar e que não ia namorar de novo pq tinha que ficar sozinha. Dei esse espaço pra ela, mas a ansiedade falou mais alto e eu liguei de novo, dessa vez pedindo pra voltar quando ela tivesse e sentindo melhor, e me coloquei a disposição a ajudar ela com o que precisar, desde indicações de psicólogos e psiquiatras até medicamentos, e mantivemos uma certa amizade por um tempo, se é que da pra chamar assim, já que era ela responder stories no meu insta.
Quando as aulas voltaram e ela passou por mim pelo corredor, fui ignorado e fui chorar no banheiro. Os meses se passaram e eu ainda tinha em mente que era possível voltar, até que uma amiga decidiu tirar o band-aid da minha ferida e me mostrar alguns tweets dela, onde ela dizia que queria o @ dela deitada na cama e que tava muito apaixonadinha, adivinhem quem curtiu esses tweets? O @ dela, o amigo do apartamento . Dias depois eles assumiram um namoro.

Quando eu descobri que ela tinha assumido o namoro com ele, todas as minhas esperanças foram por água abaixo, tudo o que eu queria era meus mangás e pôsteres de volta, tudo que ela tinha deixado na minha casa eu ja tinha juntado numa sacola e só tava procurando alguém pra devolver, pq eu não conseguia olhar pra cara dela sem sentir um misto de tristeza, raiva e decepção. Finalmente achei alguém pra fazer a troca, entreguei a sacola pra uma amiga em comum e ela devolveu pra mim, ficaram faltando os pôsteres então ela entregou outra sacola pra menina, junto dos pôsteres, uma carta em resposta da que eu tinha escrito em Junho quando ainda tinha esperança de voltar(a troca rolou no início de Outubro), nessa carta ela dizia que não acreditava em nada do que eu tinha escrito pelas coisas que eu tava falando dela pelo Facebook, o que na verdade foi uma indireta pra minha outra ex, já que eu tinha ficado sabendo que as duas tinham conversado e a abusiva disse que eu era o monstro a relação e que ela sempre tentou me ajudar. Vou passar por isso rapidamente, a ajuda dela eram ameaças de término se eu não fizesse o que ela queria, seja entrar na faculdade, arrumar um trabalho ou tirar carteira, e como minha mente já tava toda fudida pelos outros abusos, meu medo de abandono gritava enquanto eu tentava fazer o que ela me mandava, que quando sem sucesso ela ficava puta. O post no FB era um print do Twitter dizendo "todo mundo é tóxico menos você né? Anjo perfeito enviado dos céus", desbloqueei minha ex abusiva exclusivamente pra ela ver isso, mas acabou atingindo outra pessoa, mas se a carapuça serviu eu não posso fazer nada.
Sabendo que ela via meus posts de alguma forma, deixava alguns posts em público, queria que ela visse que eu tava desapontado com o que ela fez, e também queria me lembrar pra sempre do que acontece quando a gente se entrega pra alguém. Esses posts levaram a uma situação onde uma amiga dela pegou todos e printou e postou no Twitter pra me ridicularizar, e chamou a Jenny pra bater palma pra isso, quem me disse isso foi o melhor amigo dela, agora não mais já que eles brigaram. Com essa situação eu decidi pegar vários áudios que minha amiga tinha salvo a minha ex metendo o pau dessa amiga por conta do show do BTS e fiz um vídeo, mas não postei em lugar nenhum, deixei salvo aqui esperando algum outro post escroto.
Hoje eu acho que nem postaria, pq só quero ficar em paz, a menos que tenha alguma outra situação do tipo, pq não vou ficar calado.
Sobre o relacionamento abusivo dela, como ela foi atrás da minha ex, tomei a liberdade de fazer o mesmo um tempo depois e disse as coisas que ela falava dele, o que ele me disse foi que ela dizia a mesma coisa de outro ex. É como se fosse um ciclo vicioso, ela namora uma pessoa, se arrepende e essa pessoa vira um monstro que ela conta pros outros namorados pra eles sentirem pena.
Enfim, quero finalizar aqui dizendo à todos que eu não odeio ela, mesmo o ódio sendo negativo ele é um sentimento forte demais pra sentir por alguém que te fez tanto mal, só fico desapontado com o que ela fez comigo, eu fui sincero com ela falando o que eu passei por 4 anos em outro namoro e ela me disse que também passou em um, éramos duas pessoas quebradas e na minha mente os pedaços faltando de ambos se completariam, mas não é assim que funciona e não foi isso o que ela fez. Ela viu o quanto eu era quebrado mas decidiu quebrar mais, não só isso, fazendo isso ela tirou completamente minha capacidade, minha coragem e minha vontade de amar, eu real não consigo me entregar de novo pra ninguém, pra me lembrar disso pra sempre uso uma aliança preta representando o luto. Se você leu até aqui, muito obrigado de verdade, eu sinto que tirei um peso gigante das costas com isso, grato pela atenção de todos.
Os prints estão no Imgur e o tem um áudio e um vídeo que não deu pra postar, depois eu dou um jeito de mostrar pra vocês ^^
https://imgur.com/7tESoww - Discussão que tivemos no dia seguinte
https://imgur.com/nWl5UDt - Quando eu descobri que ela ficou com o cara
https://imgur.com/A85izEl - As cartas
https://imgur.com/tCDNS2b - Conversa com o ex dela
https://imgur.com/feDWFhP - História que ela inventou no TT. Pra mim ela tinha dito que era a mãe que traía o padastro depois do divórcio, mas ela quis queimar o pai dessa vez não sei pq.
submitted by b_bast4rz to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.26 07:48 Xocolate_Amargo Não sei q p*ha sou e minha relações familiares.

Oi ser humano do outro lado, vou me chamar de Xoco nesse post, e tds os nomes fictícios.
(Só um ponto: meu pai tem 8 filhos e eu n conheço tds, acho q nem ele)
Uma explicação rápida sobre minha família: Meus pais estavam quase se separando qnd nasci, só servi pra segura-lós por mais 8 anos (¯_(ツ)_/¯).
Depois do divórcio, meu pai ficou com minha guarda e de meus 2 irmãos mais velhos, assim sendo: Yui (13 anos), Yva (10) e eu 8.
 Minha mãe tem um problema de coluna q a incapacita de trabalhar com carteira assinada, resumo: ela se vira com bicos e 1 aluguel. 
Tenho uma irmã de 30 anos (K, só k pq ela é o oposto de uma Karen) ela não ODEIA minha mãe... Mas não gosta dela pq qndo minha mãe tinha 17 (grávida do Yui), foi morar com ela, q tinha 12/13 e meu pai, na casa dele. (a K é minha irmã de outro casamento) e minha mãe tinha TOC, então a Eva (minha mãe) era mto chata. um irmão de 21 (vamos chama-ló de Wall. Não sou tão próxima dele quanto da K.) e vejo ele menos q o Leon achando um Porigon.
Meu pai é das antigas, ele não diz que é homofóbico, mas é do tipo "Sem preconceito, mas..." ou dizer "Morde-Fronha", "Bicha/Bichõna"...
Minha mãe não é tãaao das antigas, porém não gosta que eu use roupas q ela diz ser de menino, e diz que por ser menina devo usar roupa "de menina", me maquiar e talz; assim como minha madrasta.
Depois do divórcio meu pai teve alguns namoros, e ele namora atualmente a Nie (minha madrasta) a dois anos (namoro mais duradouro desde o divórcio em 2014/2015)
Ela tem três filhos:
★Price: uma menina mimada pela avó e desorganizada pra kssete (queria estar exagerando). (11 anos)
★Itachi: Grita toda hr por causa de jogo, sempre deixa a mesa da cozinha suja com as louças que ousou pro café/almoço e não retira a mesa. (Aqui em casa cada um lava oq usa e tem que retirar a mesa se é o último) (16 anos e menino)
★Tasmanha: um molequinho de 9/10 anos que destrói td que toca por que sabe que vai ganhar um novo. Sempre mente qnd pode pra se safar e acaba ferrando os outros por isso. Grita alto e agúdo td hr, e faz xixi na cama td dia.
(Um ponto forte é que eu e meus irmãos Yui e Yva perdemos a confiança no nosso pai dps q ele quebrou várias promessas importantes pra nós de uma vez só, por puro egoísmo e dps agiu como se nada tivesse acontecido, nós só fingimos de volta. Pelo fato de eu e K temos uma alta diferença de idade, não somos tão próximas qnt eu queria. Ela tem um esposo e duas filhas, não tão importantes pra história. [Ela tmb já perdeu 2 bbs]).
Tem muita história, porém é te que eu consigo resumir. 
Ps. Atualmente Yui tem 19 anos, Yva (comunidade n permite dizer) e eu (comunidade n permite dizer).
Personagens introduzidos, vamos a história:
Nunca gostei de me maquiar e usar roupas "de menina", acho até legal as vezes qnd tô sozinha, eu fico tipo: "Nossa, que legal, mas isso incomoda pra krl..." Como uma vez que eu avia me maquiado (pq minha madrasta insistiu) e Yva me disse:
—Nss, vc tá muito bonita! Kkk –Pô, valeu! Kk E eu fiquei: "Isso foi um elogio... Pq machucou tanto?!" Eu gostaria de me entender. Entender pq de uma hr pra outra me senti mal com um elogio?! Isso aconteceu a um tempão e eu nunca esqueci. Gostaria de ser tratada como meus irmãos, jogar jogos e me divertir como eles. De uns tempos pra cá venho me questionando mto sobre minha sexualidade e gênero. Desde que me lembro sempre fui fã de vestir roupas "de menino" e jogar jogos "de meninos". Sempre odiei estar conversando com as garotas sobre as coisas que considerava superficial, como os draminhas e outras idiotices. Por conta disso as meninas raramente brincavam/conversam cmg. E os meninos não querem estar cmg pelo fato de eu ser uma garota... E nunca me senti desconfortável qnd se dirigiam à mim como "ele". (Não que eu me sentisse desconfortável com "ela".) Eu antes de conhecer o conceito trans/gênero fluído queria cortar meu cabelo longo bem curtinho e andar em meio a pessoas desconhecidas, pra fazer amigos usando uma indentidade masculina. A um dia eu conversava com meu irmão sobre um anime e chegamos ao assunto sobre nossa relação familiar. Como qualquer adolescente meus irmãos já tomaram cerveja e outras bebidas alcoólicas por estimulação dos tios da família. Enquanto eu... Aaah não-- O mas importante é que falamos sobre os rolês deles (Yui, Wall, Yva e seus miguxos) e eu disse: —Tenho certeza que se eu fosse um garoto vcs me envolviam, né? Kkk 
E ELE NEM NEGOU, só mudou de assunto
Mas oq me irrita não é só não poder pedir ajuda pra minha família por medo do possível clima depois (principalmente pq sempre denfendi a comunidade LGBTQ+ mesmo antes de me descobrir nela, e sei que eles diriam coisas do tipo "sempre soube, kk" que me machucariam mto, pq eles me jugariam como lésbica [já até fazem as vezes] por causa disso, oq nós leva ao próximo tópico) E sim o fato dos meus parentes mais próximos sempre se referindo ao futuro dizendo que vou casar e tal, mesmo eu já negando meu desejo por uma festa estúpida feita apenas para unir recursos, algo que de certa forma foi cultivado até hj. Não quero assinar um papel pra mostrar o quanto amo uma pessoa. Isso é ridículo. Menos festas de despedidas de solteiro. Elas são legais. (já pararam para pensar que se chama despedida de solteiro quando você está namorando¿?)
Sexualidade. Mano... Eu não tenho nenhum desejo carnal. E estaria td bem se derrepente: boom! Começo a sentir sexualmente atraída por alguém?? Então percebi q sou demissexual. (Mas apenas pelo sexo masculino.) 
Eu queria explicar mais do meu ponto de vista, pra dar sentido ao q falei das pessoas, porém o post seria enorme :') Talvez eu faça uma continuação e explicando td que ficou de fora, inclusive o pq não desabafei com a K ou algum 'amigo'. É só isso, não sei se sou uma tomboy, gênero fluído, ou um trans. :')
Obrigado por lerem! 
submitted by Xocolate_Amargo to desabafos [link] [comments]


2020.06.30 00:01 Gistesquii me apaixonei por minha amiga

olá gays tudo beem? então,queria contar uma história aq,mais pra desabafar sobre isso mesmo e sim,EsSa É a MiNhA pRiMeIrA VeZ aQuI. então,a história é a seguinte,eu tenho uma amiga (e talvez namorada)...vamos chama-la de... Claudia,ela é trans e nos temos 4 anos de diferença (oque não é muito eu acho né?) e eu percebi nos últimos meses q ando vendo ela com a intenção "além da amizade" aí tá né,eu fiquei quase 1 dia formando um textinho,e pedi ajuda de uma amiga conselheira. Ela não me apoiou nisso,disse q n ia dar certo e ignorou o fato dela ser uma MULHER <-- soq com pinto sendo assim,pedi ajuda de uma outra amiga,que super me apoiou e me encorajou a mandar o texto pra ela enfim,vamos voltar para a Cláudia,como eu disse,eu gostava MTO dela e como ela era uma mulher trans,eu continuava sendo lésbica,mesmo n gostando mto de homens,eu estava apaixonada por ela.. bem,eu mandei o texto,ela tava online. (graças a deus pqp KK) e pedi ela em namoro ela achou q era zoeira,eu falei pra ela q n era e pedi desculpas e dps de um tempo teve q sair do Twitter,e até agr n voltou provavelmente se ela aceitar eu vou cair morta no chão? sim! bem,se ela responder ainda hj/de madrugada,eu atualizo aq tô com medo,porém confiante KKKK bem,é isso,só queria compartilhar minha história com vcs mesmo:D obgda por me ouvir :-)
submitted by Gistesquii to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.25 18:25 Beanatriix Eu sou babaca por não ter ajudado minha "amiga" o suficiente e ter me distanciado????

Olá Luba, editores, Mist, Galadriel, Jean... Digo, possível convidado e turma que está há ver. Tudo começou quando me envolvi com um cara, eu ia muito na casa dele, nessas idas lá consequentemente conheci os amigos dele, um amigo em especial (que acabou virando um grande amigo meu) vamos chama - ló de Joãozinho, queria que eu arrumasse uma amiga para ele mas eu não tinha, pq minhas amigas mais próximas uma namorava e a outra é lésbica, mas Joãozinho começou a conversar com minha amiga que até então namorava, vamos chama - lá de Mariazinha, Mariazinha foi na onda de Joãozinho, os dois ficaram, eu tentei aconselhar Mariazinha a parar com isso mas ela nem ligou e continuou ficando com Joãozinho, em um belo dia eu fui visitar meu crush e Joãozinho estava lá, pq estava passando uns dias lá, até aí digamos que está tudo bem, a noite minha outra amiga me manda milhões de mensagens desesperada perguntando sobre Mariazinha, e eu sem saber onde ela estava ou com quem estava fiquei preocupada, minha outra amiga disse que a mãe da Mariazinha tava procurando ela e que tinha certeza que ela estava comigo pq eu tava "arrumando macho" para ela, Mariazinha demorou horas para aparecer e quando apareceu em casa disse para a mãe dela que ela tava comigo, sendo que não estava (estava com outro guri que ela ficava), a mãe dela me mandou mensagens me xingando e falou que iria vir falar com meu pai por estar levando a filha dela para o mal caminho, sendo que Mariazinha nem estava comigo, conversei com meus pais e eles entenderam tudo e ficaram do meu lado, depois disso Mariazinha terminou o namoro pq a mãe dela contou sobre as traições que segundo a mãe dela era culpa minha e o término também foi culpa minha, Mariazinha ficou muito mal, me mandava mensagem todo dia falando que precisava de mim e da minha ajuda, todo dia eu estava ali para ajudar, afinal era minha amiga, depois de um tempo Mariazinha me convidou pra sair e saímos, eu não tinha ideia que ela iria se encontrar com o Joãozinho quando descobri pensei na hora que iria dar merda, depois de uns minutos o irmão da Mariazinha passa e vê a cena, o irmão de Mariazinha foi contar para a mãe dela, a mãe dela veio e começou no meio da rua a gritar comigo e me xingar, eu sou uma pessoa calma, odeio brigas, mas não suportei ela colocando toda a responsabilidade encima de mim, e falei que Mariazinha fez as escolhas delas e não era minha culpa, Mariazinha não falou mais comigo depois disso, no outro dia ela saiu com ele e minha outra amiga e beberam e vieram me pedir ajuda eu não ajudei, para levar Mariazinha para casa que estava muito mal e etc... Eu não fui ajudar, e depois a mãe dela bateu aqui em casa perguntar onde a filha dela estava, pq ela tinha certeza que estava comigo, eu acabei me distanciando delas, pq minha saúde mental estava muito ferrada, elas não correram atrás da minha amizade, fiquei muito decepcionada e muito triste com a situação, elas eram minhas amigas de anos e quem realmente ficou do meu lado foi o Joãozinho e meu crush, que falaram que não era culpa minha e que ela tinha que enfrentar as consequências dos atos dela, eles me ajudaram muito e elas simplesmente me esqueceram e seguiram suas vidas, sou babaca por não ter ajudado ela o suficiente e ter me afastado dela?????
submitted by Beanatriix to TurmaFeira [link] [comments]


2020.05.27 16:05 usernamenaoseihaja1 O WEB NAMORO PARTE 2

Então passou dois messes +/- e ela começou a mudar muito Sempre que eu mandava mensagem ela demorava muito pra responder e quando respondia ela não demonstrava interesse e então com o tempo isso foi me machucando Eu comecei a me sentir muito mal com aquilo e foi aí que eu decidi tomar uma decisão terminar com ela,ms eu não sabia com fazer isso até porq eu amava muito ela(Eu acordava ela com poemas e versos todos os dias)Eu gostava muito de escrever poemas ela era a minha grande inspiração não tinha um dia que eu não escrevia um poema pra ela ms enfim.
Mesmo amando muito ela eu tive que tomar uma decisão eu terminei com ela e passei 2 dias chorando muito quando eu terminei com ela foi como se eu tivesse tirando um grande pesso das minhas costas e com o tempo as coisas começaram a ficar piores
Eu comecei a matar aula,eu parei de comer,tinha dias que eu simplesmente passava a noite inteira acordada sem fazer nada essa foi a "pior" fase da minha vida
Nessa época eu era muito magra e como eu não estava comendo nada as vezes eu passava mal na rua,eu sempre tive problema respiratório ms antes eu n sabia oque era então eu sempre parava no hospital(A mina mexeu muito com o meu psicólogo)
Voltando ao assunto Passou um tempo e eu não conseguia parar de pensar nela ai eu decidi mandar mensagem pra ela pedindo pra reatar o namoro e ela aceitou eu fiquei feliz (pensei que ia ser como antes)isso tudo aconteceu 1 mês antes do meu aniversário.
No dia do meu aniversário Eu acordei e ela terminou comigo e isso estragou o meu dia(Eu nunca ms comemorei meu aniversário)nesse dia eu realmente me afundei na depressão,com o tempo eu comecei a me cortar,comecei a ter alucinações eu via bixos,pessoas mortas etc(só quem já passou por isso sabe como é)
Ms enfim passou um tempo e chegou o dia que eu cansei de tudo No dia 24 de agosto de 2018 eu tive um desentendimento com a minha irmã e eu peguei uma das giletes que eu tinha no bolso e fiz dois cortes no meu braço(um dos cortes pegou na cartilagem)começou a voar sangue para todo os lados e eu entrei em desespero
Peguei 2 bandanas que tinha na minha mochila e comecei a enrolar mos braços e sai do condomínio rápido pra ninguém ver aquilo passei a portaria voando kkkk
Na hora que eu ia sentar na calçada uma mulher tava saindo com o carro da garagem e ela viu o meu braço sangrando e ela começou a chorar ela chamou a família dela pra me ajudar sentou do meu lado e super me motivou sabe?
Ela foi um amor de pessoa,ela orou pela minha vida e me pediu pra orar com ela e eu meio que só fechei os olhos e deixei ela orar,aí ela ligou pra ambulância
Eles não quiseram vir,na segunda tentativa foi completamente diferente Ela pediu a ambulância e me botou pra falar com a médica A médica me perguntou minha idade e onde eu morava etc.
A ambulância chegou e eu entrei me amaram na maca,me colocaram um bagulho no meu dedo que eu não sei oque era,não deu 2 minutos e já tinha um monte de pessoas em volta da ambulância querendo saber oque tinha acontecido.
(A para médica que tava na ambulância era muito linda,ela tinha um sorriso mt lindo me apaixonei por ela kkkkkk zoas)
Chegando no hospital foi tudo normal né a médica costurou meu braço(kkjkkk mano ce acredita que enquanto ela costurava meu braço ela começou a contar uma história muito nada haver tipo elas estavam conversando sobre o dia que ela precisou costurar o pinto do cara pq o pinto dele tira ficado agarrado no fecho da calça e eu fiquei tipo ?????? Moça?)
Tomei 2 anestesias local e tomei 10 pontos,tenho foto dos cortes.(Se quiserem ver eu posto) Não deu 10 minutos e chegou minha mãe(baraqueira) meu irmão é minha namorada na época.
Eles queriam tomar o meu celular porque eles achavam que eu estava participando da "baleia azul" kkk.
Ms enfim minha namorada(hoje em dia não falo ms com ela) Cuidou de mim,ela me dava os meus remédios tudo no horário,me dava almoço e janta(Na época minha mãe saía muito pra trabalhar e estudar) Então a minha namorada ficava o tempo todo conversando comigo e cuidando de mim umas 13:00 da tarde eu ia dormir na cama dela,e todo dia a mesma coisa.
O tempo passou e chegou o dia de tirar os pontos tirei e fui pra casa Uns dias depois eu voltei lá pra uma consulta. Até que um dia por pura conhecidencia eu tava conversando com uma médica e ela tava contando que ela salvou a vida de uma menina(Eu era a menina ms ela não sabia)
Ela falou que essa menina tentou se matar e eu ri e disse a menina sou eu e ela ficou muito feliz de me conhecer e com o tempo ela se tornou a minha melhor amiga sabe?ela me ajudou durante um tempo,ela me passou o endereço de um lugar que as pessoas se ajudavam(era um grupo de apoio eu frequento lá até hj)
Messes depois Ana Beatriz me mandou uma mensagem e eu toda besta pedi pra voltar com ela novamente(A cara eu sou muito idiota desculpa)ela aceitou só que ela disse que tinha que me contar uma coisa que talvez me faria mudar de ideia.
Ela estava grávida na hora eu achei que ela estava zoando ms não Ela me mandou foto da barriga aí eu pensei mentira (ela sempre foi gordinha então não dá mesmo pra ver que ela estava grávida kklkk)
Aí ela me mandou foto do cartão de gestante Só ai que a ficha caiu e eu pensei (mano era não era lésbica?) Ms enfim ela me iludiu durante um mês
No dia 29 de dezembro de 2018 ela me pediu ajuda e eu não recusei ajudar lá né
Ela disse que não tinha dinheiro pra fazer a ultrassom do bebê e eu ofereci 100 reais pra ajudar,ela me passou os dados da conta e eu depositei o dinheiro(Eu sei que eu não tinha obrigação nenhuma de ajudar ms eu tenho um coração muito bom)
O golpe. Sim eu depositei o dinheiro e ela ainda tenho me aplicar um golpe ela me mandou uma mensagem dizendo que o dinheiro não tinha caído na conta e eu pedi pra ela me mandar foto do comprovante pra mim ver se realmente não tinha caído e ela se recusou a mandar inventou um monte de histórias e não falou ms cmg.
No dia seguinte Ela me mandou uma mensagem assim "Já faz muito tempo que eu não sinto nada por vc" Essa mensagem me destruiu,minha auto estima ficou mt baixa nesse dia. Chorei ms superei kkkk
Eu xinguei ela e bloquiei. Depois disso eu perdi a confiança em todo mundo.
(Tenho uma outra história que complementa essa ms não deu pra contar aqui se vcs quiserem eu conto depois)
submitted by usernamenaoseihaja1 to TurmaFeira [link] [comments]


Um pedido de namoro perfeito PEDI PRA ELA BATER UMA PRA MIM E ELA ACEITOU - YouTube PRIMEIRA VEZ LÉSBICA - YouTube PEDIDO DE NAMORO LESBICO NAMORADA DE HOMEM TRANS pedido de namoro/ lesbica/ lesbian 2018 Coloquei uma Câmera Escondida e Peguei Minha Esposa No ... lesbicas-Amor entre Professora e Aluna - YouTube Pedido de Namoro Lesbico 02 PEDIDO DE NAMORO  LÉSBICAS! - YouTube

João Pessoa LGBT - guia para gays, lésbicas, bissexuais e ...

  1. Um pedido de namoro perfeito
  2. PEDI PRA ELA BATER UMA PRA MIM E ELA ACEITOU - YouTube
  3. PRIMEIRA VEZ LÉSBICA - YouTube
  4. PEDIDO DE NAMORO LESBICO
  5. NAMORADA DE HOMEM TRANS
  6. pedido de namoro/ lesbica/ lesbian 2018
  7. Coloquei uma Câmera Escondida e Peguei Minha Esposa No ...
  8. lesbicas-Amor entre Professora e Aluna - YouTube
  9. Pedido de Namoro Lesbico 02
  10. PEDIDO DE NAMORO LÉSBICAS! - YouTube

pedido de namoro/ lesbica/ lesbian 2018 Olá galera!!! Neste vídeo contamos um pouco da historia de como foi o nosso pedido de namoro. 💻 Inscreva-se no canal: https://www.youtube.com/channel/UCrRSmJ... Conheçam a Bia, minha namorada! Trocamos uma ideia aqui com vocês sobre como é namorar um homem trans! Instagram da Bia: https://www.instagram.com/bia_lperez... surpresa pedido de namoro- melhor namorada - lÉsbicas - thamy&gil - duration: 2:15. mudei de vida 17,098 views. 2:15. teste: vocÊ reconhece sua namorada? Podia ser apenas um pedido de namoro comum, mas o Bruno resolveu deixar as coisas bem mais interessantes. O uso do vídeo em momentos marcantes da vida fazem a diferença! Seja no pedido de namoro ... VOLTA COMIGO? (pedido de namoro) - Duration: 3:12. gabriel oliveira 448,280 views. 3:12. 12 Year Old Boy Humiliates Simon Cowell - Duration: 5:37. LosGranosTV Recommended for you. ACESSE O LINK: https://www.instagram.com/djhonyeidt/ PEDI PRA ELA BATER UMA PRA MIM E ELA ACEITOU FAMÍLIA ELA ACEITOU BATER UMA PRA MIM E AINDA MANDOU EU TIR... Hoje contamos pra vocês como foi a nossa primeira vez lésbica! Não esquece de deixar seu like Nos siga também, nas redes sociais: Canal: INSTAGRAM: @canal.en... Coloquei uma Câmera Escondida e Peguei Minha Esposa No Flagra Video dedicado as mulheres que gostam de mulheres... Em breve, mais.. [email protected]